Topo
Regina Navarro Lins

Regina Navarro Lins

O que leva um homem a expor o pênis sem consentimento a uma mulher?

Universa

12/10/2019 04h00

De acordo com um estudo do Pew Research Center sobre assédio online, 53% das mulheres entre 18 e 29 anos já receberam a foto de um pênis sem ter solicitado. E a reação da maioria delas é de medo e irritação. Mas o que levaria um homem a tirar uma foto de seu pênis e enviar a uma mulher?

O "Journal Of Sex Research" publicou um estudo onde são exploradas as motivações por trás do envio não solicitado de imagens das genitálias. No total, 48% dos homens admitiram ter feito isso em alguma ocasião, sem o consentimento da outra pessoa. Em relação à motivação, a maioria dos sujeitos deste estudo reconheceu que envia essas fotografias na esperança de receber em troca outras do mesmo tipo.

No entanto, outros participantes admitiram, dando mostras de misoginia, que o que os estimulava era a resposta negativa das destinatárias. E o sentimento de poder e controle sobre a reação da outra pessoa se tornavam fatores condicionantes para esse envio.

Voltando à época anterior à internet, estudos mostraram que o exibicionista se expõe, na maioria dos casos, sem o consentimento do outro e sem intenção de consumar o ato sexual.

O exibicionismo é exclusivamente masculino, pois embora as mulheres possam exibir os órgãos genitais em espetáculos de streap-tease, elas o fazem para o prazer de outras pessoas e nunca com o propósito de obter satisfação sexual para elas próprias.

Na pesquisa de A.Kinsey, 52% das mulheres relataram que tiveram as primeiras experiências com a exibição da genitália de homens adultos. Essa prática consiste em expor o pênis, geralmente ereto, aos transeuntes, que podem ser mulheres de qualquer idade, embora em aproximadamente 50% dos casos sejam menores de 16 anos.

A exibição é geralmente seguida de masturbação, mais do que pela efetiva abordagem das mulheres. O exibicionista espera obter uma reação emocional de horror e repugnância, ao mesmo tempo em que procura causar grande impacto.

Leia também:

Como em série da Netflix: Transo com outros homens para meu marido ver

8 coisas que você precisa saber antes de encarar um ménage

"Prendi meu namorado na cama, simulei vários castigos e gostei. E agora?"

"Meu namorado não me beija na boca. Está me deixando insegura"

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre a autora

Regina Navarro Lins é psicanalista e escritora, autora de 12 livros sobre relacionamento amoroso e sexual, entre eles o best seller “A Cama na Varanda”, “O Livro do Amor” e "Novas Formas de Amar". Atende em consultório particular há 45 anos e realiza palestras por todo o Brasil. É consultora e participante do programa “Amor & Sexo”, da TV Globo, e apresenta o quadro semanal Sexo em Pauta, no programa Em Pauta, da Globonews. Nasceu e vive no Rio de Janeiro.

Sobre o blog

A proposta deste espaço interativo é estimular a reflexão sobre formas de viver o amor e o sexo, dando uma contribuição para a mudança das mentalidades, pois acreditamos que, ao se livrarem dos preconceitos, as pessoas vivem com mais satisfação.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog Regina Navarro